Greve geral: Sindifort e Intersindical organizam paralisação dos servidores municipais de Fortaleza

Oitenta mil pessoas participaram de ato público nas ruas do centro de Fortaleza neste dia 28 de abril.  

A Greve Geral em Fortaleza contou com a paralisação dos servidores municipais organizada pelo Sindifort e Intersindical - Central da Classe Trabalhadora. Seis categorias profissionais aderiram: agentes de trânsito da AMC, servidores da UrbFor, servidores do IPM, servidores da usina de Asfalto, Agentes de Combate à Endemias e Agentes de Saúde. 

Os servidores municipais protestaram contra as propostas de reformas da Previdência, Trabalhista, a lei da Terceirização, a criminalização do direito de greve e demais ataques que Temer, o Legislativo e o Judiciário querem impor para garantir o lucro dos banqueiros, corruptos e especuladores. 

Além das pautas nacionais, os servidores também estão em campanha salarial e até agora o prefeito Roberto Cláudio (PDT) não negociou a reivindicação do reajuste salarial de 13,60% sem parcelamento e muito menos as demais pautas da Campanha Salarial, entre elas, mais recursos da Prefeitura Municipal de Fortaleza para o IPM com melhor funcionamento do sistema de saúde, realização de concurso público e o fim da terceirização. E ainda baixou um pacote de maldades com vários decretos retirando e limitando direitos dos servidores. 

A paralisação dos servidores municipais começou ainda na madrugada deste dia 28, na sede da Autarquia de Trânsito e Cidadania de Fortaleza (AMC), ao amanhecer servidores concentraram-se no Paço Municipal e seguiram em marcha pelas ruas do Centro da cidade. Os manifestantes realizaram uma parada em frente a sede da Secretaria Municipal de finanças (SEFIN) e convidaram os servidores do órgão a somar nas ruas na greve geral. Ao final o grupo se encontrou na Praça do Ferreira com os manifestantes das frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular em grande ato unificado que parou comércio das ruas do centro de Fortaleza.

Para ver cobertura completa acesse:

https://www.facebook.com/pg/sindifort/photos/?tab=album&album_id=1393086687379051

Reforma Trabalhista - Veja quem são os traidores do povo brasileiro

O Sindifort e a Intersindical - Central da Classe Trabalhadora, denunciam publicamente os deputados federais, traidores dos servidores públicos e demais trabalhadores, que rasgaram a CLT e votaram favor da famigerada reforma trabalhista do governo Temer, beneficiando a patrões, corruptos, especuladores e banqueiros.

Somente com luta e mobilização nas ruas vamos impedir a retirada de nossos direitos. Por isso, mais uma vez conclamamos todos os servidores públicos para a GREVE GERAL no dia 28 de abril, concentração às 8h no Paço Municipal.

 

 

 

 

 

 

Bem-Vindo!


Agenda da Luta

Assembleia dos servidores da Urbfor

- 19/04/2017 | 07h | Sede da Urbfor.

Assembleia dos ACS e ACE

-20/04/2017 | 8h | Sede do Sindifort | Rua 24 de maio, 1188 - Centro.

Greve Geral  - 28/04/2017

Pré-cadastro do SESC

 

 

 

 

Cadastre seu email

Leia Nosso Informativo

          

 

 

 

 

 

 



 

 

 

 

       

Cartilha de direitos das mulheres

  

Vídeos do Sindifort
Facebook
Twitter
Youtube