Sindifort marca presença na luta contra a reforma da Previdência

Veja mais fotos do protesto clicando AQUI

O Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza (Sindifort) e a Intersindical – Central da Classe Trabalhadora participaram na manhã de hoje, segunda-feira, 19 de fevereiro, do Dia Nacional de Luta contra a reforma da Previdência.
Os sindicalistas começaram o dia com manifestação no aeroporto Pinto Martins durante embarque dos deputados para Brasília para pressioná-los a votar contra a reforma.
A partir das 8h, integrantes do Sindifort e da Intersindical se somaram aos manifestantes que chegavam para o ato realizado no Centro de Fortaleza, com concentração na Praça Clóvis Beviláqua, ao lado da Faculdade de Direito da UFC, de onde os manifestantes saíram em caminhada por vias da cidade. Participam da manifestação vários sindicatos, centrais sindicais e as frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular. Os protestos chegaram a reunir, no momento de maior concentração, cerca de vinte mil manifestantes nas ruas do Centro de Fortaleza.
As manifestações contra a reforma previdenciária devem continuar até o próximo dia 28, quando está prevista a votação da mesma no Congresso Nacional. Nesta data está sendo organizada uma greve para barrar a reforma que traz inúmeros prejuízos aos trabalhadores em geral, especialmente aos servidores públicos.
Campanha Salarial na rua
Além do protesto contra a reforma e pelo #ForaTemer, o Sindifort aproveita o ato para cobrar do prefeito Roberto Cláudio (PDT) o reajuste salarial. Embora as negociações com a Prefeitura já tenham começado, até o momento o Município não apresentou nenhuma proposta de reajuste. O Sindifort reivindica 9,42% de reajuste salarial. Os servidores municipais estão há dois anos sem ter nem mesmo a reposição da inflação. Estudo feito pelo Sindifort mostra que de maio de 2008 a janeiro deste ano, os servidores municipais tiveram perdas salariais da ordem de 20%.
Outros pontos da pauta
Além do reajuste salarial, os servidores cobram mais verbas para o Instituto de Previdência do Município (IPM) e melhorias no atendimento à saúde.
A pauta completa da campanha salarial 2018 pode ser acessada no link http://sindifort.org.br/…/1030-uniao-e-luta-marcam-inicio-d…

 

Vitória! Mobilização do Sindifort garante suspensão de desconto para aposentados e pensionistas

Diretores do Sindifort e da Intersindical, servidores do IPEM e aposentados foram dia 23/05/17 à Câmara Municipal de Fortaleza para protestar e dialogar com vereadores.
Em reunião com uma comissão de vereadores, com diretores do Sindifort e servidores de base, ficou acertado que o PLC 17/17 será alterado não mais cobrando 11% (Previdência) dos servidores municipais aposentados que ganham acima do teto.
Hoje todos os aposentados e pensionistas que ganham acima do teto, recebem os 11% descontados do Previfor em forma de abono. Caso o PLC 15/17 fosse aprovado tal qual estava, estes servidores passariam a ter desconto de 11% para o IPM Previfor sem reembolso.
Na reunião também foi discutida a problemática dos servidores do IPEM. Eles  querem a publicação da portaria 19/2017, que atualiza o valor de suas diárias. A Prefeitura está enrolando para publicar a portaria. Os vereadores se comprometeram a intervir junto já Sepog para que a portaria seja publicada o mais breve possível.
Participaram da reunião os vereadores Ésio Feitosa (PPL), Guilherme Sampaio (PT), Didi Mangueira (PDT), Larissa Gaspar (PPL) e Acrísio Sena (PT). Pelo Sindifort participaram da reunião e mobilização os diretores Eliane Barbosa, Gerardo Américo, Luciano Hermann, Lourdes Olinda, Bosco Garcia, Aílton Honorato, Elso Sampaio, Fernando Sales, Ana Célia Ferreira e Pedro Rodrigues.

Subcategorias

Bem-Vindo!


Agenda da Luta

 

Assembleia Geral  da Campanha Salarial 2018

21/02/2018 | 8h30 | Sede do Sindifort - Rua 24 de Maio, 1188, Centro

Cadastre seu email

Leia Nosso Informativo



 

 

 

 

       

Cartilha de direitos das mulheres

  

 

 

 

 

Vídeos do Sindifort
Facebook
Twitter
Youtube