Na quinta-feira, 09 de junho, o Sindifort, o Núcleo Específico de Atividades de Segurança Pública do Sindifort (Neasp – Sindifort)  e a Intersindical – Central da Classe Trabalhadora, convocam os servidores da Guarda Municipal de Fortaleza (GMF)  a prestar solidariedade aos 750 concursados da Guarda, que integram a segunda turma (T-2)  e que ainda não foram convocados pela Prefeitura.
Aprovados no último concurso, os integrantes da T-2 foram chamados para treinamento  de 10 horas diárias durante um período de 3 meses. Tiveram que abandonar empregos confiando na promessa do prefeito Roberto Cláudio(PDT) de que seriam convocados, o que não aconteceu. Muitos são pais e mães de família que estão em dificuldades financeiras.
Na atual situação de violência pela qual passa Fortaleza, também seria importante ampliar a atuação da GMF  na defesa do patrimônio público e do bem estar e segurança da população, particularmente em escolas, postos de saúde, hospitais, praças e outros logradouros.
Mesmo assim o prefeito se nega a convocar os concursados, mostrando mais uma vez que sua gestão não prioriza os servidores e nem a maioria da população.
Diante disso, estamos convocando os servidores da GMF para este ato de solidariedade aos futuros colegas que se encontram acampados há mais de 60 dias em frente ao Paço Municipal.
Pedimos que possam levar 1kg (ou mais) de alimentos não perecíveis para ajudar na manutenção do acampamento.
Durante o ato haverá prestação de serviços com aferição de pressão arterial e teste de glicemia.
Pela imediata convocação da T-2! Vamos à luta!

Bem-Vindo!


Agenda da Luta

DIA NACIONAL DE MOBILIZAÇÃO

- 14/09/2017 | 16h | Praça da Bandeira.

 

Cadastre seu email

Leia Nosso Informativo



 

 

 

 

       

Cartilha de direitos das mulheres

  

 

 

 

 

Vídeos do Sindifort
Facebook
Twitter
Youtube