Através de ação judicial impetrada pelo setor jurídico do Sindifort, quatro agentes comunitários de saúde conseguiram a liberação do FGTS. Estes trabalhadores antes eram regidos pela CLT e optaram por ser estatutários, assim, na qualidade de servidores, deixam de ter os depósitos de FGTS.

O resultado do processo, que tramitou na 1ª Vara do Trabalho, garantirá que estes agentes tenham direito de sacar a quantia já depositada. No caso, o município não se opôs ao levantamento do FGTS e a juíza fez o acordo. 

A partir da segunda-feira (dia 15 de abril de 2013), os servidores podem vir ao sindicato para pegar o alvará – documento necessário para dar entrada na caixa econômica.

O Sindifort está com outras três ações semelhantes, cada uma com quatro a cinco pessoas, que ainda aguardam decisão judicial.

Bem-Vindo!


Agenda da Luta

DIA NACIONAL DE MOBILIZAÇÃO

- 14/09/2017 | 16h | Praça da Bandeira.

 

Cadastre seu email

Leia Nosso Informativo



 

 

 

 

       

Cartilha de direitos das mulheres

  

 

 

 

 

Vídeos do Sindifort
Facebook
Twitter
Youtube